06/02/2013

Os deuses astronautas e as cabeças de pedra de Tiahuanaco


Olá meus caro amigo atormentados...Hoje vamos falar de uma nova teoria que explicaria as cabeças de pedra de Tiahuanaco. Essa misteriosa cidade já foi abordada aqui no blog Noite Sinistra (clique aqui para recordar), portanto não farei nenhuma introdução sobre a cidade em si.

Em Tiahuanaco existe um muro, onde podem ser encontrados rostos esculpidos na rocha. Até então acreditava-se que essas cabeças seriam uma representação de antepassados, outra explicação para essas figuras é que elas seriam uma representação de espíritos protetores. Recentemente surgiu uma nova hipótese, segundo ela os rostos seriam a representação de diferentes etnias que habitavam o mundo. Isso explicaria porque as figuras são diferentes umas das outras, e geralmente diferem das características do povo que habitava essa misteriosa cidade. Mas como os antigos habitantes do local teriam conhecimento sobre essas diferentes etnias?

Os defensores dessa nova hipótese são defensores das teorias dos antigos Desuses astronautas, e eles acreditam que os antigos habitantes de Tiahuanaco tiveram contato com esses Deuses astronautas, ou alienígenas se vocês preferirem. Na verdade acredita-se que por intermédio desses alienígenas, os habitantes de Tiahuanaco tiveram contato com um outro povo: Os Sumérios.





Seria esse um dos nossos amigos Grey?
Achando confuso? Eu já explico as correlações...

Na década de 50 foi encontrada nas proximidades de Tiahuanaco um importante artefato nesta teoria, trata-se da "pedra de rosetta das Américas". Esse vasilhame possui no seu interior um tipo de escrita cuneiforme, muito parecida com inscrições encontradas em objetos pertencentes a civilização Suméria.


Escrita cuneiforme encontrada dentro do vaso
Escrita cuneiforme suméria
Outro elemento importante nesse grande quebra cabeça é a figura de Viracocha. Ele era o primeiro Deus do povo de Tiahuanaco. Segundo as crenças diziam, Viracocha foi um nômade e tinha um companheiro alado, o pássaro Inti, uma espécie de pássaro-mago, conhecedor do presente e do futuro, que é simbolizado em histórias, como um beija-flor de asas de ouro. O Deus todo poderoso, tem o poder de reger a construção ou criação de tudo, visível ou invisível.

Viracocha é representado por uma grande estátua bem no centro do que seria o antigo templo de Tiahuanaco. As paredes desse templo são adornadas com as cabeças de pedra, seria como todos os povos do mundo em volta do criador de tudo.



O que chama a atenção em Viracocha é sua representação em Tiahuanaco, uma vez que, sua figura possui traços que não condizem com os nativos da região. A barba seria um dos exemplos. Ele teria mais traços em comum com o povo sumério, do que com o povo nativo. Mas por que os sumérios teriam tanta importância para explicar a relação do antigo povo de Tiahuanaco com alienígenas? Simples, os sumérios fizeram muitas referências a Deuses que vieram do céu, como os Anunnakis, mas esse é um assunto para outra postagem...Então como acredita-se que os sumérios poderiam ter tido contato com seres de outros planetas, e como foram encontrados objetos sumérios em Tiahuanaco (Suméria e a Tiahuanaco estavam a mais o menos 13 mil km), os pesquisadores acreditam que, os antigos habitantes da misteriosa cidade boliviana, também podem ter tido contato com esses seres.


A comparação por si só parece vazia, mas levando em conta que os historiadores ainda não conseguiram explicar como os antigo conseguiram realizar as construções em Tiahuanaco, ou explicar como eram transportados os imensos blocos de pedra, ou  como conseguiram cortar a pedra com tanta precisão, o  com tão bom acabamento...etc, nesse contexto todo, temos que admitir que é tentador acreditar nessa nova teoria.

Mais algumas imagens dos rostos de pedra.




Quando amanhecer, você já será um de nós...
3 Comentários
Comentários
3 comentários:
  1. "Como conseguir cortar pedras que se encaixavam tao perfeitamente? Ou ainda como transportar pedras tão pesadas?" essas e outras dúvidas parecidas com as das pirâmides ja foram exclarecidas.
    1º - Eles nao tinham internet para ficar perdendo tempo na vida. Eles dedicavam suas vidas a fazer exclusivamente isso. Agora para e pensa. será que o tiosinho com 40.000 horas de experiencia na profissao de polidor de pedra nao teria a capacidade de deixar a pedra polida e perfeitamente encaixada na pilha de pedras? é claro né.

    E outra. sem essa modernidade atual o cara tinha que estudar. e nao era via internet. se ele nao aprendia a fazer cálculos massivos e pesados tudo na raça (na mao sem calculadora) bagaça nao subia! Ou seja ou nego manjava ou manjava! Engenheiros eram engenheiros de verdade!

    Agora eu te pergunto pq o povo se espanta ao dizer nossa mas as pedras eram perfeitamente encaixadas ! -.- É pq o povo nao pensa! Eles eram profissionais disso porra!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é...existem estudiosos formados, com doutorado e tudo mais, estudando os possíveis métodos usados por esses construtores...pessoas muito bem formadas tentando desvendar essa lacuna histórica...mas aparentemente vc matou a charada cara!!!!! É tudo culpa da internet...nó todos somos, incluindo os doutores que mencionei acima, medíocres...burros e incompetentes.

      Excluir

Página do Facebook

Publicidade 1

Postagem em destaque

O misterioso perfil do Facebook de Karin Catherine Waldegrave